DISNEY’S TYPHOON LAGOON

IMG_1278O que aconteceria se uma tormenta atingisse a Flórida, inundando tudo com uma enorme tsunami? É lógico que isso se tornaria um parque aquático… bem vindo ao Disney’s Typhoon Lagoon.

História

O Typhoon Lagoon abriu originalmente em 1989, e na época era o segundo parque aquático da Disney em Orlando, ao lado do River Country.  Com o fechamento do River Country em 2001, restaram somente 2 parques aquáticos do Wald Disney World Resort em Orlando, o Typhoon Lagoon e o Blizzard Beach.

O tema do parque é muito interessante: é como se uma uma tormenta, um tufão tivesse varrido o centro da Flórida, arrastando barcos, navios e tudo mais para um paraíso intocado, deixando o navio “Miss Tilly” empalado no topo do Mount Mayday.

Como todo parque aquático, ele possui diversos tipos diferentes de escorregador, piscinas de onda e rio de correnteza, os famosos “lazy rivers” mas ele tem alguns pontos diferencias, como a gigantesca Surf Pool, tida como a maior piscina externa de ondas do mundo, mas não é uma piscina de ondas qualquer, é uma onda gigantesca que aparece de vez em quando e sai arrastando todo mundo, é muito divertido.

É importante saber que…

  • O cartão postal do parque é a Surf Pool, onde acontecem as ondas gigantes, em frente ao Monte Mayday, onde está cravado o navio Miss Tilly.
  • A circulação no parque para chegar aos escorregadores não é muito intuitiva, portanto siga atentamente as placas indicando o ponto de entrada em cada uma das atrações.
  • Como todos os parques aquáticos de Orlando, é possível alugar armários para guardar seus pertences, assim como toalhas. O visitante deve ir ao parque com roupas de banho adequadas, e a troca poderá ser feita nos vestiários, que também contam com chuveiros.
  • Durante os meses de inverno em Orlando (de novembro a janeiro), a Disney só mantém um dos parques aquáticos abertos por vez. Enquanto o Blizzard Beach está aberto, o Typhoon Lagoon está fechado para manutenção, e vice versa. Se a sua visita à Orlando será durante esse período, procure saber qual dos dois estará funcionando para não dar de cara na porta fechada.
  • Atenção aso avisos de proibido mergulhar e a indicação da profundidade das piscinas. Existem salva-vidas espalhados pelo parque todo, e caso eles te peguem quebrando alguma das regras de segurança, você vai tomar  uma baita bronca.
  • A Disney não permite o uso de bikinis tipo “fio dental” em seus parques aquáticos, portanto escolha roupas de banho adequadas para um ambiente familiar.
  • Caso o visitante não saiba nadar, ou tenha algum receio, existem coletes salva-vidas disponíveis para serem alugados.
  • Lá nos parques aquáticos da Disney, eles dão o nome de “TUBE” para as boias, portanto quando ler algum aviso sobre a obrigatoriedade de um “tube“, ele está falando das boias.
  • Prepare-se para subir muitas escadas, as vezes até mesmo carregando uma grande boia, caso seja obrigatório para determinados escorregadores. Fique atento para quais escorregadores a boia é obrigatória, para evitar chegar la em cima, e ter que descer tudo para pegar a sua boia.

Destaques

Essa é a recomendação do que o parque tem de melhor e pior a oferecer. Veja o que vale a pena (ou não) conhecer no Typhoon Lagoon:

O MELHOR:

surf1Typhoon Lagoon Surf Pool – A maior piscina de onda externa do mundo, mas não são várias ondinhas, e sim uma gigantesca tsunami. Diversão garantida.

crush1Crush ‘n’ Gusher – A perfeita mistura entre montanha russa e toboágua. Aqui você não simplesmente cai, mas recebe várias acelerações, subindo e descendo várias vezes durante o percurso.

reef1Shark Reef – Um delicioso e relaxante mergulho junto com peixes, raias e tubarões. Mas pode ficar tranquilo, é bem seguro. Infelizmente esta atração está agendada para ser fechada em breve.


Por dentro do Typhoon Lagoon

O Typhoon Lagoon é um parque repleto de atrações aquáticas divertidas. Veja no mapa abaixo como é a distribuição delas pelo parque. (clique aqui para ir diretamente ao site oficial para baixar o mapa mais atual)

Diferente da maioria dos parques temáticos, no Typhoon Lagoon as atrações não estão divididas por áreas temáticas, por isso a organização da apresentação das atrações e restaurantes será um pouco diferente. Agora vamos explorar as áreas do parque – todas as atrações e as opções de refeição do parque:


Entrada

É a área de entrada onde irá encontrar os principais centros de serviço domo Guest Services, aluguel de carrinhos e cadeira de rodas, aluguel de armários e toalhas. É também onde ficam concentrados alguns restaurantes e lojas do parque, assim como os vestiários para troca de roupa e banho.

Serviços

  • Information & Reservations Counter
  • Guest Services
  • Locker Rentals (aluguel de armários)
  • Lockers (armários)
  • First Aid (primeiros socorros)

Atrações

O parque não tem sub-divisões de áreas, portanto vamos listar todas as atrações e em sequência.

surf1Typhoon Lagoon Surf Pool – A maior piscina externa de ondas do mundo. Mas não são várias ondinhas, e sim uma gigantesca tsunami que acontece de tempos em tempos. Todo mundo fica lá esperando e quando ela vem, é uma baita gritaria e muita risada. Diversão garantida! Se não quiser ficar no meio das enormes ondas, pode relaxar na praia de areia que fica em frente a ela.

creek2Castaway Creek – O tradicional rio de correnteza, o chamado “lazy river“, onde pode flutuar e relaxar em uma boia (tube) e circular por todo parque.

kiddee1Ketchakiddee Creek – Uma área exclusiva da criançada, com toboáguas, boias e jatos d’água.

keelhaul1Keelhaul Falls – Um divertido toboágua onde o visitante desce em uma boia individual, com muitas curvas e cachoeiras. Passeio mais suave.

mayday1Mayday Falls – Um divertido toboágua onde o visitante desce em uma boia individual, com muitas curvas e cachoeiras. Passeio mais rápido, mais longo percurso do parque.

gangplank1Gangplank Falls – Um divertido toboágua para grupos de até 4 pessoas onde os visitantes descem em uma boia por um percurso cheio de curvas.

homunga1Humunga Kowabunga – O toboágua mais radical do parque. Desça do alto do monte Mayday em um escorregador quase vertical de praticamente 5 andares com muita velocidade.

storm2Storm Slides – São três diferentes percursos para experimentar, todos terminando em splash.

reef1Shark Reef – Um delicioso e relaxante mergulho para ver muitos peixes, raias e tubarões. Infelizmente essa atração está prevista para fechar em breve.

bay1Bay Sliders – Dois toboáguas bem suaves exclusivos para a criançada.

trail1Mountain Trail – Um passeio a pé pela base do Mount Mayday.

crush1Crush ‘n’ Gusher – Ande em até três percursos diferentes nessa incrível combinação de montanha russa com toboágua, onde os visitantes descem juntos em boias duplas ou triplas, por subidas e descidas radicais.


Refeições

O parque não tem sub-divisões de áreas, portanto vamos listar todos os restaurantes em sequência.

  • Leaning Palms –  Sanduíches, burgers, pizzas, snacks, saladas e bebidas variadas.
  • Happy Landings – Sorvetes em geral.
  • Lowtide Lou’s – Sanduíches, sorvetes, bebidas, cervejas e vinhos.
  • Typhoon Tilly’s – Sanduíches, saladas, snacks e cervejas.
  • Crush Hot Dog – Turkey Legs, hot dogs, sanduíches, snacks e bebidas em geral.
  • Let’s Go Slurpin’ – Bebidas adultas.
  • Surf Doggies – Turkey Legs, hot dogs, snacks e bebidas em geral.


Dicas

– Fotos: Como nem todo mundo possui câmeras fotográficas à prova d’água, a recomendação é dar uma primeira volta geral pelo parque para bater diversas fotos, depois volte e guarde a câmera junto com suas coisas no armário e aproveite as piscinas sem se preocupar com fotos. Isso, é claro, se sua câmera/smartphone não for à prova d’água ou você não possuir um porta câmera/smartphone à prova d’água.

– Vestuário: Leve uma troca de roupas para tomar banho na hora da saída. Leve chinelos, serão de grande valia. E só leve toalha caso não queira pagar o aluguel de uma. Atenção para roupas de banho que possam ser interpretadas como não adequadas a ambiente familiar.

– Preserve os pés:  Apesar do parque aquático não ser tão grande quanto um parque temático, existem muitas escadas para chegar na entrada dos toboáguas. Então vá com calma para não terminar o dia todo dolorido.

Preparo físico – Caso não saiba nadar, não precisa ter vergonha de alugar um colete salva-vidas. O mesmo vale para aqueles “atletas de fim de semana” que não fazem exercício físico regularmente, cuidado para não se exceder nas piscinas e estragar o resto da viagem.

Informações oficiais

É fundamental para quem está planejando a viagem consultar o site oficial do Typhoon Lagoon para obter informações oficiais e atualizadas sobre o parque, por que isso muda bastante.


[atualizado em 10/08/16]

ESCOLHA O PARQUE: 


 ÚLTIMAS NOTÍCIAS DO TYPHOON LAGOON:

Nenhum post encontrado.